Alunos do Caic do bairro Cidade Operária realizaram um protesto nesta segunda-feira (22) pedindo a recuperação do prédio onde a escola está abrigada.

Estudantes do Caic do bairro Cidade Operária realizaram um protesto nesta segunda-feira (22) pedindo a recuperação do prédio onde a escola está abrigada. Os alunos alegam que as obras estão paradas há algum tempo e a situação do prédio em que ocupam por conta da reforma está em péssimas condições.

A unidade ensino foi construída pelo Governo Federal no começo da década de 90 e atualmente é mantida pelo Governo Estadual. A escola possui aproximadamente mais de mil alunos que estão matriculados do 5º ao 9º ano.

Caic do bairro Cidade Operária foi construído nos anos 90 pelo Governo Federal — Foto: Reprodução/ TV Mirante
Caic do bairro Cidade Operária foi construído nos anos 90 pelo Governo Federal — Foto: Reprodução/ TV Mirante

Por conta da reforma, os alunos foram remanejados no início deste ano para outro prédio localizado ao lado da escola e deveriam permanecer no local durante o período em que a unidade de ensino estivesse em reforma. Os alunos alegam que as obras no Caic nunca começaram, e atualmente, o prédio está abandonado e vem sendo frequentado por vândalos.

O prédio está com graves problemas infraestruturais nas paredes e no telhado. Além disso, o mato cresce ao redor da unidade de ensino, o chão está sujo por conta dos usuários de drogas e vândalos que frequentam o local e o acervo da biblioteca está abandonado, revoltando alunos, pais e professores.

“Dá pena, porque aqui quando começou o pessoal ficava era na fila para adquirir uma vaga e agora dá pena de ver o local depredado”, conta Iracema Garcia, dona de casa.

Mato cresce ao redor do Caic do bairro Cidade Operária na capital maranhense. — Foto: Reprodução/TV Mirante
Mato cresce ao redor do Caic do bairro Cidade Operária na capital maranhense. — Foto: Reprodução/TV Mirante

Além disso, os alunos reclamam em que o prédio para onde foram remanejados também está precisando de reforma. As paredes estão pinchadas, os bebedouros quebrados e os estudantes afirmam que preferem voltar para o antigo prédio onde o Caic funcionava. “As paredes estão pinchadas, as paredes quebradas. O nosso antigo prédio é melhor”, disse o estudante João Mário Reis.

Prédio do Caic em São Luís sofre com a falta de infraestrutura. — Foto: Reprodução/TV Mirante
Prédio do Caic em São Luís sofre com a falta de infraestrutura. — Foto: Reprodução/TV Mirante

Por meio de nota, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) informou que o Caic funcionava com baixo número de matrículas e os estudantes foram remanejados para o prédio do Centro de Ensino Cidade Operária II, localizado na mesma rua. A Seduc disse que o local tem estrutura adequada e que o projeto para a licitação da reforma do Caic está em andamento e o prédio será transformado em uma unidade do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA).

Biblioteca do Caic da Cidade Operária está abandonada e situação revolta alunos, professores e pais. — Foto: Reprodução/TV Mirante
Biblioteca do Caic da Cidade Operária está abandonada e situação revolta alunos, professores e pais. — Foto: Reprodução/TV Mirante

 

 

Fonte: G1 MA

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor, deixar cometário.
por favor, digite o seu nome