Imagem: WhatsApp

PERIGO

Quem passa pela Rua São Francisco, extensa rua que liga a Vila Bom Jardim ao bairro Centro, em Açailândia, está em vias de se romper devido à uma erosão que se formou desde o ano passado e que até agora a administração pública não ‘deu jeito’. Não se sabe ainda qual o valor gasto com as ‘obras’ que foram feitas no local, o problema é que nunca terminou e o dinheiro literalmente foi despejado no Riacho Esperança.

VELOCIDADE

Muitos motoristas e motociclistas ignoram o perigo e passam pelo local em alta velocidade colocando em risco a vida dos pedestres que são obrigados à irem para o meio da rua. Levando em consideração que dezenas de mães e pais levam seus filhos para uma creche que fica às proximidades, a situação fica ainda mais complicada.

TÁXI

Autorizado pelo Executivo Municipal mais um Ponto de Táxi em Açailândia. Os taxistas estão animados porque já era uma luta antiga da categoria. O novo ponto fica localizado na Rua Tiradentes, esquina com a Rua Duque de Caxias e tem como meta fazer lotação para o Residencial Aulídia.

INTRAFEGÁVEL

A Rua 13 de Maio, no perímetro da ponte sobre o Riacho Esperança ao Ginásio de Esportes, na Vila Bom Jardim, está intrafegável. Moradores que precisam passar pelo local à pés estão revoltados com a situação. A lama e as ‘lagoas’ tomam toda a extensão da rua impedindo que alguém passe sem ficar todo sujo. O fato é que não adianta as pessoas reclamarem que a secretaria de infraestrutura não dá nenhuma resposta aos munícipes.

CANDIDATÁVEIS

Alheios aos problemas estruturais que a cidade está passando, muitas pessoas se arvoram nas redes sociais ‘se indicando’ como candidatos à prefeito ou vereadores. Mas uma coisa chama a atenção: pouquíssimos deles têm um projeto definido para tirar a cidade do caos administrativo em que se encontra.

DÚVIDAS

No texto de um contrato com uma determinada empresa que venceu licitação para serviços de infraestrutura em Açailândia, consta um trator de esteira de 104 cavalos. Algumas pessoas que conhecem de máquinas pesadas dizem que esta máquina não existe. É verdade isso?

MANDATO

Muitas pessoas começam a questionar a ausência mais efetiva do deputado Cavalcante em Açailândia. Eleito com um montante significativo de votos na cidade, o parlamentar, pelo menos até agora, não questionou na tribuna a falta de ações do governo no município principalmente nas questões estruturais das escolas estaduais que estão precisando urgentemente de reparos. O teto de uma destas escolas caiu, destruiu parte da biblioteca e somente agora vai começar a receber estes reparos. E as outras?

LIXÕES

É lamentável ter que dizer que existem vários lixões em Açailândia. E não á apenas nos bairros periféricos. Mas, também, em bairros ligados ao Centro. Se existe uma cultura de se jogar lixo nas calçadas, sem nenhum critério, há também a fragilidade da coleta de lixo de forma sistemática. Ou seja, jogo lixo na rua porque não coletam. Não coletam porque o povo joga nas calçadas.

MATO

Centenas de terrenos baldios em todos os bairros da cidade prejudicam moradores e causam proliferação de insetos, animais peçonhentos e bandidos. Isso mesmo, os bandidos aproveitam o mato alto para se esconderem e assaltarem suas vítimas. Principalmente mulheres que voltam das suas escolas ou igrejas.

 

 

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor, deixar cometário.
por favor, digite o seu nome