Por G1 CE

Ceará registra ataques após atuação da Força Nacional

Ceará registra ataques após atuação da Força Nacional

Criminosos voltaram a cometer ataques no Ceará na quinta noite seguida de uma onda de violência que atinge o estado desde quarta-feira (2). Entre a noite de domingo (6) e a madrugada desta segunda-feira (7), bandidos incendiaram uma estação ambiental em Icapuí, no litoral do estado, e veículos em uma oficina na capital. Em resposta aos crimes, o Governo do Ceará informou que transferiu um dos chefes de uma facção criminosa do Ceará para um presídio federal. Outros 19 detentos também devem ser levados para outras unidades prisionais nos próximos dias. (veja a lista dos ataques abaixo)

Em todo estado, são mais de 120 ações criminosas desde o início da onda de violência. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), 110 pessoas suspeitas de participação nos crimes foram capturadas, e dois homens morreram em confronto com policiais. Pelo menos 60 prisões ocorreram após a chegada de tropas da Força Nacional ao Ceará.

O Governo Federal ofereceu 60 vagas em presídios federais para receber integrantes de facções criminosas que atuam no estado do Ceará. Atualmente, algumas unidades prisionais do estado têm presos separados de acordo com os grupos criminosos que participam.

Motivação

A Secretaria da Segurança e Defesa Social do Ceará não se pronunciou oficialmente sobre o motivo dos ataques no estado.

A sequência de ataques ocorreu após a fala do novo secretário da Administração Penitenciária, Mauro Albuquerque, que prometeu fiscalizar com mais rigor a entrada de celulares nos presídios, segundo o governo. Desde o início da onda de crimes, agentes penitenciários apreenderam 407 celulares em presídios de onde foram ordenados os crimes. Em uma das ações, os presos fizeram um motim.

O presidente do Conselho Penitenciário do Estado do Ceará, Cláudio Justa, afirmou que os atentados são uma represália a essa fala do novo secretário de Administração Penitenciária.

De acordo com uma fonte do Serviço de Inteligência da Secretaria da Segurança ouvida pelo G1, membros de duas facções rivais fizeram um “pacto de união”, com o objetivo de “concentrar as forças contra o Estado”. Em pixações em prédios públicos de Fortaleza, criminosos escreveram que “não vão parar até o secretário sair”. “Fora Mauro Albuquerque”, diz a mensagem.

Ceará registra ataques após atuação da Força Nacional

Ceará registra ataques após atuação da Força Nacional

Ataques na madrugada

Os criminosos incendiaram, na madrugada desta uma embarcação do Corpo de Bombeiros foi destruída em um incêndio na Barra do Ceará, na capital, porém os bombeiros não confirmaram se o caso está relacionando à onda de ataques no Estado.

A estação ambiental incendiada fica localizada na Praia de Requenguela, no município de Icapuí. O incêndio no local teve início por volta das 23h. De acordo com a Polícia Militar, equipes do Corpo de Bombeiros foram acionados para conter as chamas. Na estação ambiental atingida eram desenvolvidos projetos sociais que incentivavam a economia sustentável por meio da produção local de produtos com matéria-prima da região.

Em Fortaleza, por volta de 1h desta segunda-feira (7), o alvo foi uma oficina mecânica que presta serviços para a Enel, empresa responsável pelo fornecimento de energia. Dois veículos foram destruídos pelas chamas. O fogo foi contido pelo proprietário do local com a ajuda de vizinhos.

Celulares nos presídios

De acordo com o secretário Mauro Albuquerque, o controle da entrada de celulares será “uma das medidas” adotadas na gestão dele como secretário de Administração Penitenciária, cargo criado no segundo mandato do governador do Ceará, Camilo Santana, em 1º de janeiro deste ano. “É uma das medidas, mas não a única. Investir nos equipamentos que impeçam a entrada de objetos é um trabalho mais importante e que vamos aprimorar aqui”, afirmo Mauro.

“O crime hoje está organizado nacionalmente, para além das divisas. Então não adianta uma unidade possuir o bloqueio [de sinal de celular] e as demais, não. Iniciativas como o Sistema Único de Segurança Pública e o Fundo Penitenciário são importantes para essa nacionalização das medidas”, disse.

Reforço policial

Força Nacional começa a atuar nas ruas de Fortaleza — Foto: Camila Lima/SVM

Força Nacional começa a atuar nas ruas de Fortaleza — Foto: Camila Lima/SVM

Desde a quinta-feira, as equipes de segurança do Ceará receberam vários reforços: 300 membros da Força Nacional, 100 policiais militares da Bahia e 50 policiais rodoviárias federais.

As equipes da Força Nacional atuam principalmente em blitze, já que a maior parte dos criminosos usam carros para ir aos locais do crime e em seguida para fugir, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública do Ceará.

As equipes foram pelo menos 20 blitze simutâneas em “vias estratégicas” de Fortaleza e cidades da Região Metropolitana, que concentram cerca de 80% dos ataques no estado.

Já os policiais baianos que chegaram neste domingo ao Ceará para ajudar no combate ao crime atuam no interior do estado.

Cronologia dos crimes

Noite de quarta-feira (2)

  • Incêndio de ônibus coletivo no Bairro Edson Queiroz, em Fortaleza
  • Incêndio de ônibus coletivo no Bairro Parque Santa Rosa, em Fortaleza

Quinta-feira (3)

  • Explosão em viaduto próximo ao Bairro Metrópole, em Caucaia
  • Incêndio a veículo em Caucaia, Na Rua 114 no Conjunto Planalto Caucaia
  • Incêndio de seis veículos, em Horizonte
  • Artefato inflamável arremessado em posto de combustível no Bairro Damas, em Fortaleza
  • Tiros em agência bancária no Bairro Otávio Bonfim, em Fortaleza
  • Danos a câmeras de videomonitoramento no Bairro Barra do Ceará, em Fortaleza
  • Danos a câmeras de videomonitoramento no Bairro Bom Jardim, em Fortaleza
  • Ataque a fotossensor no Bairro Moura Brasil, em Fortaleza
  • Ataque a fotossensor no Bairro Messejana, em Fortaleza
  • Ataque a fotossensor, em Caucaia
  • Ataque a semáforo no Bairro Quintino Cunha, em Fortaleza
  • Ataque incendiário contra ônibus no Bairro Bonsucesso, em Fortaleza
  • Ataque a ônibus no Bairro Serrinha, em Fortaleza
  • Incêndio de ônibus no Bairro Parque Santa Rosa, em Fortaleza
  • Incêndio de ônibus no Bairro Barroso, em Fortaleza
  • Incêndio a coletivo no Bairro Mucuripe, em Fortaleza
  • Ataque de ônibus no Bairro Castelão, em Fortaleza
  • Ataque a ônibus em Fortaleza
  • Ataque a ônibus em Morada Nova
  • Van incendiada no Sítio São João, em Messejana, em Fortaleza
  • Ônibus queimado na Rua Santa Philomena, no Bairro Henrique Jorge, em Fortaleza
  • Caminhão de lixo incendiado em Messejana, em Fortaleza; fogo atingiu também carro particular
  • Ataque a concessionária no Bairro Papicu, em Fortaleza
  • Sexta-feira (4)
  • Explosão de carro durante incêndio de veículos no 27º Distrito Policial, em Fortaleza
  • Tentativa de incêndio a veículos no 8º Distrito Policial, em Fortaleza
  • Agência da Caixa Econômica incendiada na Avenida Francisco Sá, em Fortaleza
  • Agência bancária do Bradesco metralhada na Pontes Vieira, em Fortaleza
  • Tentativa de incêndio a lotérica no Bairro Jardim Iracema, em Fortaleza
  • Prédio do Detran foi atacado, em Fortaleza
  • Carro com explosivos apreendido e cruzamento interditado, em Fortaleza
  • Posto de combustível atacado no Bairro Conjunto Palmeiras, em Fortaleza
  • Agência da Caixa Econômica incendiada na Pajuçara, Maracanaú
  • Ataque contra Palácio Municipal da Prefeitura de Maracanaú
  • Agência do Bradesco da cidade de Caucaia atingida por tiros
  • Suspeito morto em troca de tiro com policiais ao tentar destruir radar semafórico, no Eusébio
  • Tentativa de incêndio a veículos do 24º Distrito Policial, em Pacatuba
  • Ônibus escolar incendiado, em Tianguá
  • Poste de videomonitoramento derrubado no José Walter, em Fortaleza
  • Centro Cultural da cidade de Pindoretama incendiado
  • Ônibus incendiado no Bairro Bom Jardim, em Fortaleza
  • Caminhão incendiado por bandidos na Avenida Via Expressa, em Fortaleza
  • Na cidade de Canindé, criminosos puseram fogo em um caminhão e um trator
  • Caminhão também incendiado em Canindé
  • Ônibus da Prefeitura de Jaguaruana foi incendiado à 0h30 no Centro da cidade
  • Um ônibus e um caminhão foram incendiados em Piquet Carneiro; dois foram presos com queimaduras
  • Na cidade de Morrinhos, criminosos arremessaram um coquetel molotov no prédio do INSS
  • Criminosos ateram fogo no prédio da garagem da Prefeitura de Aracoiaba
  • Três homens homens tentaram atacar prédios públicos em Baturité; um foi preso com coquetéis molotov
  • Ônibus é queimado no bairro Jardim Bandeirantes, em Maracanaú
  • Criminosos tentam incendiar posto na Av. Mister Hill, no Bairro Antônio Bezerra, em Fortaleza
  • Caminhão de lixo incendiado por criminosos em Pacajus, na Grande Fortaleza
  • Fotossensor incendiado em Juazeiro do Norte
  • Ônibus incendiado na Avenida Francisco Sá, no bairro Carlito Pamplona
  • Veículo incendiado na sede da Guarda Municipal de Sobral
  • Carro da Companhia de Água e Esgoto (Cagece) incendiado em Fortaleza
  • Caminhão da Cagece também queimado por criminosos no Bairro Conjunto Palmeiras, na capital
  • Ônibus incendiado na Avenida Francisco Sá, no Bairro Carlito Pamplona, em Fortaleza
  • Núcleo da Cagece incendiado em Caucaia
  • Passarela de pedestres incendiada na rodovia BR-116, no Bairro da Messejana
  • Veículos de transporte de passageiros incendiados em Massapê
  • Veículos incendiados em estacionamento de shopping na Bezerra de Menezes
  • Carro dos Correios incendiado no Barroso
  • Prédio incendiado na Barra do Ceará, em Fortaleza

Sábado (5)

  • Garagem de transportes públicos incendiada em Ibaretama
  • Carro incendiado por criminosos em Maracanaú
  • Agência da Caixa Econômica Federal atacada com tiros na Praia de Iracema, em Fortaleza
  • Carros incendiados em frente a concessionária no Centro de Fortaleza
  • Três carros incendiados no Fórum na cidade de Pacoti durante a madrugada
  • Prédio da Secretaria de Meio Ambiente de Pacoti atacado por criminosos. Salas foram quebradas e um carro foi incendiado
  • Ônibus escolar incendiado em Icapuí
  • Caminhão com frangos incendiado em Caucaia
  • Ataque à sede da Prefeitura de Pacatuba
  • Ataque ao VLT de Sobral
  • Carro incendiado em Iguatu
  • Ataque a posto de combustível em Iguatu
  • Ônibus escolar incendiado em Jijoca de Jericoacoara
  • Ataque ao Centro de Referência de Assistência Social (Cras) de Sobral
  • Fórum de Juazeiro do Norte é acatacado a tiros
  • Caminhão de lixo incendiado no Bairro Pirambu, em Fortaleza
  • Bandidos atiraram e arremessaram uma bomba caseira em um supermercado no Bairro Vila Velha, em Fortaleza
  • Cinco ônibus escolares incendiados em Morrinhos
  • Dois carros incendiados na rua Belos Portos, Bairro Barroso, em Fortaleza
  • Incêndio em carro de lixo em Abreulândia, em Fortaleza
  • Agência bancária é atacada na cidade de Varjota
  • Criminosos explodem bomba em ponte entre os municípios de Varjota e Santa Quitéria
  • Van foi incendiada, e motorista ficou ferido no Bairro Paraíso das Flores, em Sobral
  • Pátio de uma empresa que mantinha veículos apreendidos pela PRE é incendiado em Caucaia
  • Dois caminhões da Prefeitura de Barroquinha foram incendiados. Um foi totalmente destruído
  • Posto de observação da Guarda Municipal foi alvo de tiros na noite de sábado, em Fortaleza
  • Um posto de gasolina foi incendiado no Km 12 da BR-116, em Messejana, na capital
  • Ataque a veículos particulares em Quixadá
  • Criminosos atacam prédios públicos em Tabuleiro do Norte

Domingo (6)

  • Carro foi incendiado em frente ao 29º DP, delegacia da Pajuçara, em Maracanaú
  • Prédio do Dnocs foi incendiado durante a madrugada na cidade de Marco. Bombeiros tiveram dificuldade de apagar o fogo
  • Sede da Prefeitura de Aracaú foi atacada por criminosos. Ônibus ficaram destruídos
  • Em Jijoca de Jericoacoara, os criminosos incendiaram um estacionamento utilizado pela Prefeitura. Dois veículos, um ônibus e um carro de passeio foram destruídos pelas chamas
  • No município de São Gonçalo do Amarante, uma agência bancária foi atacada com tiros e incendiada. O fogo foi controlado
  • Criminosos explodiam uma base de telefonia na cidade de Limoeiro do Norte. Devido ao ataque, o município e outras cidades da região ficaram sem telefonia móvel
  • Outros 17 ataques em diversas cidades do estado, de acordo com o Ministério da Justiça

G1

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor, deixar cometário.
por favor, digite o seu nome