Números do Detran revelam que existe um veículo para cada 4 pessoas no Maranhão, levando-se em conta que o estado possui 7.000.229 habitantes

São Luís é a cidade com maior frota no estado, com 384.495  veículos
São Luís é a cidade com maior frota no estado, com 384.495 veículos (Foto: De Jesus / O ESTADO)

SÃO LUÍS – Estatísticas do Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran-MA) mostram que o Maranhão tem emplacados, na atualidade, 1.599.151 veículos, o que inclui carros, motos e outros. Os números revelam que existe um automóvel para cada 4 pessoas, levando-se em conta que o estado possui 7.000.229 habitantes, de acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os municípios de São Luís (com 384.495), Imperatriz (145.075), Caxias (51.689), Balsas (50.120) e Timon (44.585) têm as cinco maiores frotas do estado. Outros municípios, porém, têm o menor número de automóveis circulando. Primeira Cruz tem apenas 164 veículos; Benedito Leite, 201; Santo Amaro do Maranhão, 249; São Francisco do Maranhão, 282, e Milagres do Maranhão, somente 298.

São Luís tem hoje um total de 384.495 veículos, ficando em primeiro lugar no ranking estadual, dos quais 32.185 são do tipo caminhonete, 9.903 são caminhões, 4.435 são ônibus e 196.525 são do tipo automóveis. Os dados do Detran também destacam que 94,03% do total de automóveis que rodam na capital ludovicense são da categoria particular, com uma quantidade de 361.536 veículos. Do outro lado, 11.905 referem-se a automóveis pertencentes à categoria aluguel, somando 3,10% do total.

Por ano de fabricação, a maioria data de 2011 superando a fabricação em anos anteriores e até os fabricados no período entre 2012 a 2017. Na outra ponta, segundo o Detran, em todo o estado, um pequeno grupo se locomove com veículos cujo ano de fabricação é relativamente antigo. Do ano de 1994, são 9.959 automóveis circulando.

Segundo o especialista em trânsito, João Pedro Aragão, isto se deve a alguns fatores. “A frota de veículos no Maranhão é relativamente nova e o ano de fabricação é recente por causa da facilidade de financiamento oferecidos, mesmo com a crise econômica que o país enfrenta. Outro fator é devido à localização geográfica do estado, que sofre influência da maresia. Com isso, boa parte da população é obrigada a renovar constantemente seus veículos”, afirma.

Outro fator é o status que o veículo novo traz ao proprietário. “Outro aspecto determinante é a posição de status em que o usuário do automóvel se coloca. Todos querem andar de carro novo, mesmo com a estatística apontando que, por mês, em todo o estado do Maranhão, 6 mil operações de busca e apreensão são realizadas em função da situação de pessoas que não têm condições para manter as parcelas dos veículos em dia”, observa.

Fonte: imirante.com

Faça um comentário

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor, deixar cometário.
por favor, digite o seu nome