População tem sofrido com o aumento também do etanol, diesel e gás de cozinha

2 foto 1

O preço médio da gasolina para o consumidor final subiu pela 13ª semana seguida, segundo dados divulgados nesta segunda-feira (29) pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

O valor médio por litro passou de R$ 4,183 para R$ 4,198, uma elevação de 0,35%. Na mesma semana, a Petrobras baixou o preço do combustível nas refinarias em 0,52%, seguindo sua política de preços de reajustes quase diários com o objetivo de acompanhar as cotações internacionais. O repasse ou não para o consumidor final depende dos postos.

Essa política foi adotada pela Petrobras em julho de 2017, mesmo mês em que o governo elevou os impostos sobre os combustíveis. Desde então, o preço médio da gasolina para o consumidor final calculado pela ANP já acumula alta de 19,6%.

Os dados consideram a variação de preços entre a semana terminada em 20 de janeiro e a que se encerrou no dia 27. São coletados pela ANO os preços em 459 localidades.

Etanol bate R$ 3

O preço médio do etanol também subiu na semana, batendo o patamar de R$ 3, segundo a ANP. O valor médio por litro subiu 1,31%, de R$ 2,963 para R$ 3,002 na semana passada. No ano, o preço do etanol acumula alta de 3,09%.

O preço do gás de cozinha também voltou a subir, passando de R$ 67,28 para R$ 67,47. Com isso, o valor do botijão terminou a semana em alta de 0,28%.

Fonte: G1

Maranhão e Açailândia

Dos 26 estados e mais o Distrito Federal, o Maranhão é o estado com o menor preço médio por litro da gasolina, de R$ 3,876, logo em seguida vem a Paraíba com R$ 3,983; e Pernambuco com R$ 3,993. Já entre os estados com preço mais alto destaca-se o Acre em primeiro lugar, com valor de R$ 4,719; e depois o Rio de Janeiro com R$ 4,651; e em terceiro Minas Gerais com valor médio de R$ 4,423.

Nossa equipe de reportagem visitou os principais postos de combustível de Açailândia, e estes apresentaram valores bem acima da média estadual. Por aqui os preços da gasolina variam em mais de dez centavos por litro, de R$ 3,98 até R$ 4,10.

Já o diesel teve variação de R$ 3,39 até R$ 3,47, com média entre todos os postos pesquisados de R$ 3,41. A maioria dos postos de combustíveis no município não comercializa o etanol, que na região ainda é pouco utilizado, contudo nos que comercializam o produto, os preços seguem uma média de R$ 3,36 por litro.

Sobre o gás de cozinha, foram visitados quatro pontos de vendas de botijão de gás, em bairros diferentes, porém o valor era exatamente o mesmo, R$ 75,00. Este valor é em média R$ 7,00 maior que a média nacional.

Por Izaias Cézar Jr.

Fonte: jornaldomaranhao.com

Faça um comentário

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor, deixar cometário.
por favor, digite o seu nome