Cinco faculdades maranhenses são tidas como as piores pela avaliação do MEC. As cinco em destaque, que estão relacionadas nesta coluna, receberam nota abaixo de 3.

REPERCUSSÃO

A adesão de Gastão Vieira ao grupo de Flávio Dino (Governador do Maranhão) foi uma ‘pancada’ para muitos aliados do grupo Sarney, de onde o deputado saiu. Gastão, que por longos anos foi um grande aliado na família Sarney agora está de ‘mala e cuia’ ao lado de Dino que, segundo Gastão, ‘tem um amor imenso pelo Maranhão”.

VOTANTES

Os votantes de Bolsonaro em Açailândia, que primam pela moralidade política e social, devem fazer uma devassa na vida de todos os outros candidatos, mesmo os de ‘casa’. “Se é para limpar, que a limpeza comece de casa”, disse um dos defensores da candidatura do deputado.

DECLARAÇÃO

A declaração de Bolsonaro de que policial que não mata não é policial soou muito mal para a sua campanha à presidência. Segundo alguns comentaristas profissionais, a frase pode determinar uma guerra contra todos e muita gente inocente pode morrer.

EMPREGO

Em Imperatriz o setor da construção civil comemora o aumento do índice de empregabilidade. Das vagas criadas no Estado, o município se destacou. Segundo o Sindicato da categoria, mais de três mil novos empregos de carteira assinada foram registrados. A informação é do Cadastro Nacional de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho.

DADOS

Os dados do Caged mostram que o Maranhão teve uma alta na empregabilidade no mês de outubro. Depois de meses em recessão, o mercado começou a reagir em setembro com a criação de 927 vagas na área da construção civil.

CASA

Outro fator importante são as facilidades de acesso à casa própria, que se reflete significativamente nas contratações. É que o número de empreendimentos voltados para a construção de casas continua crescendo. E, para obedecer aos prazos, é preciso reforçar a mão de obra. Mais da metade dos imóveis em construção foram vendidos pelo programa federal “Minha Casa, Minha Vida”.

CRESCIMENTO

Administrar uma cidade que cresce todos os dias não é uma tarefa fácil, principalmente quando os recursos são ‘minguados’. O decréscimo nas verbas federais têm afetado os municípios maranhenses e Açailândia não foge à regra. O número de residências nas áreas urbanas e rurais aumenta à olho nu. Como fazer para atender a demanda de reclamações e necessidades urgentes da população?

TRANSPARÊNCIA

A 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Paço do Lumiar ingressou, no último dia 20, com uma ação civil pública por ato de improbidade administrativa contra o prefeito da cidade, Domingos Dutra (PCdoB). A ação baseia-se no descumprimento pelo município da obrigação de manter em pleno funcionamento o Portal da Transparência.

PORTAL

A notícia acima, divulgada prioritariamente pelo próprio MP leva a crer que todos os outros municípios maranhenses, inclusive Açailândia, devem estar sendo observados pelo órgão que busca falhas e descumprimento da LAI – Lei de Acesso à Informação. Tem cidades que o Portal da Transparência Municipal mais parece um labirinto de tantas dificuldades para se encontrar quaisquer informações.

FACULDADES

Foi divulgado nesta segunda-feira, 27, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o ciclo de avaliação do ensino superior brasileiro referente ao ano de 2016. Ao todo, foram 2.132 instituições de ensino avaliadas. Deste total, 307 são consideradas insatisfatórias pelo MEC.

PIORES

O Maranhão possui cinco faculdades na lista das piores instituições, das 31 avaliadas no estado. São elas: Nota 2 (insuficiente): Faculdade do Estado do Maranhão (FACEM); Faculdade Maranhense São José dos Cocais (FSJ); Instituto Maranhense de Ensino e Cultura (IMEC); Faculdade de Ciências e Tecnologia do Maranhão (FACEMA); Faculdade Maurício de Nassau.

PERGUNTA

Um internauta mandou à redação deste site a seguinte pergunta: “Quando será que a administração pública de Açailândia vai anunciar a construção de um hospital regional ao invés de alardear a aquisição de ambulâncias?”. Pois bem, vamos aguardar.

 

 

Faça um comentário

FAÇA UM COMENTÁRIO

Por favor, deixar cometário.
por favor, digite o seu nome